Blog

Vetor EAD - curso online com qualidade presencial

Muita gente se pergunta: tem Medicina no ProUni? A resposta não poderia ser melhor: tem sim!

É possível tentar uma bolsa de estudos patrocinada pelo Governo em uma universidade particular e realizar o sonho de ser médico sem precisar pagar a mensalidade, ou pagando somente a metade.

Para conseguir esse benefício, no entanto, será preciso fazer bonito no Enem. Descubra a seguir como conseguir uma bolsa do ProUni para estudar Medicina!

As inscrições são gratuitas e acontecem duas vezes por ano – geralmente nos meses de janeiro e junho. Todo o processo é feito pela  internet.

Para entrar na disputa, você precisa ter feito obrigatoriamente o Enem do ano anterior e obtido, no mínimo, 450 pontos na média geral das provas e nota acima de zero na redação. Também precisa se encaixar em alguns requisitos de escolaridade e renda.

Para se ter uma ideia, nos últimos anos a nota do Enem necessária para conseguir uma bolsa do ProUni para Medicina variou de 720 até quase 800.

Veja alguns exemplos recentes de nota de corte para entrar em Medicina  pelo ProUni na modalidade ampla concorrência:

  • 771,50 – Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas)
  • 765,42 – Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)
  • 756,40 – Universidade Católica de Brasília (UCB)
  • 756,04 – Universidade Maurício de Nassau (UNINASSAU)
  • 755,92 – Universidade Potiguar (UNP)

Por cotas, temos as seguintes notas nos últimos anos:

  • 766,18 – Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás)
  • 756,18 – Faculdade de Medicina do ABC (FMABC)
  • 743,72 – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
  • 742,44 – Universidade Salvador (UNIFACS)
  • 741,36 – Universidade do Grande Rio (UNIGRANRIO)

 

Para participar do ProUni você precisa, primeiramente, ter feito o Enem do ano anterior e obtido o mínimo de 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação.

Além disso, você não pode ter diploma curso superior e precisa se encaixar em um dos requisitos abaixo:

  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública, ou em escola da rede privada como bolsista integral.
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede privada como bolsista integral.
  • Ser pessoa com deficiência.
  • Ser professor efetivo da rede pública de ensino, concorrendo a bolsas em cursos de licenciatura. Nesse caso não é preciso cumprir requisitos de renda.

Lembre-se de que o ProUni é um programa voltado para estudantes de baixa renda, que normalmente não teriam como bancar uma universidade privada. Sendo assim, para conceder o benefício, o Governo Federal leva em conta a renda familiar bruta do candidato e oferece dois tipos de bolsa:

  • Bolsa Integral: para quem tem renda familiar bruta de até um salário mínimo e meio por pessoa. Esta bolsa paga 100% da mensalidade.
  • Bolsa Parcial: para quem tem renda familiar bruta de até três salários mínimos. Esta bolsa paga metade (50%) da mensalidade.

Se você não conseguir entrar para Medicina na primeira chamada do ProUni, fique ligado: há ainda uma nova chance com a segunda chamada. Se ainda assim o seu nome não aparecer entre os escolhidos, há uma terceira oportunidade: a lista de espera.

 

Fonte: https://www.mundovestibular.com.br

Não perca mais tempo

Quer ter a melhor preparação para o Enem e Vestibulares? Garanta sua vaga

Autor: Curso Vetor

O Vetor EaD mantém a tradição do Vetor Presencial. A mesma qualidade. Os mesmos serviços. 80% de aprovação

Deixe um comentário

Escolha o canal desejado para ser atendido.